10 de maio de 2018 Comentários (0) Blog, Datas Comemorativas, Fauna e Flora

Mães que cuidam da mãe natureza | Homenagem ao Dia das Mães

Mães que cuidam da mãe natureza | Homenagem ao Dia das Mães
Compartilhe em suas redes favoritas

Mães que cuidam da mãe natureza – O post de hoje do blog da Macboot nos enche de orgulho. Primeiramente pela data mais linda do ano: Dia das Mães. E segundo porque queremos fazer uma homenagem a todas as mães que cuidam da mãe natureza.

É isso mesmo! Hoje a gente deixa aqui o nosso carinho e respeito por todas as mães, profissionais ou não, que têm forte relação com o meio ambiente e a mãe natureza.

São verdadeiras mães que cuidam da mãe natureza. É lindo, gente!

E para homenagear a todas as mães que amam e dão a sua parcela de contribuição nos cuidados para com o nosso planeta vamos contar a história (ela mesma vai contar) da Karlla Patrícia, uma mineira que adotou o Rio de Janeiro como morada e que, agora, está morando na França, acompanhando o marido, que aceitou a proposta de transferência pela empresa em que trabalhava no Rio.

A Karlla Patrícia tem graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas pela Universidade Castelo Branco (2006). Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Ela tem uma filha chamada Mariana Silva Dantas. Não seria diferente para uma mãe que ama a fauna e a flora educar a filha com toda a consciência ambiental necessária. E isso é tão forte que Karlla escreveu o livro O MUNDO SECRETO DOS INSETOS em homenagem a sua filha, que então tinha 13 anos. Veja detalhes do livro e o compre aqui.

A bióloga também demonstra todo o seu carinho pelo Meio Ambiente em seu blog, o Diário de Biologia, que ela mantem desde 2007 e conta com média de 2 milhões de page/views por mês.

Sem mais delongas, segue o depoimento da Karlla sobre como é ser uma mãe com característica de educadora ambiental e que, com certeza, merece o título de mãe que cuida da mãe natureza. O planeta agradece a todas as mães em nome de você, querida Karlla Patrícia, em que agradecemos o depoimento e as fotos.

Depoimento de Karlla Patrícia, em homenagem às Mães que cuidam da Mãe Natureza

 

“Parece que quando a gente nasce já vem com um dom determinado. Foi assim comigo. Eu acredito que já tenha vindo ao mundo com a missão de ser “cuidadora” da mãe natureza.

Cuidadora no sentido de preservar, de amar e de carregar quantas milhares de pessoas fossem possíveis nessa missão.

A natureza e seus mistérios sempre foi meu ponto forte. Quando criança, eu passava várias horas do dia observando formigas indo e vindo nas suas trilhas. Isso me fez reconhecer desde cedo que nosso planeta e tudo que a mãe natureza nos oferece não é responsabilidade de uma pessoa somente. Isso tem que ser repassado para se multiplicar.

Por incrível que pareça, apesar da minha consciência de preservação cultivada desde a infância, foi a maternidade que me trouxe a gana por ensinar. Assim, como eu, minha filha Mariana veio ao mundo amante da natureza. Ela trouxe no sangue o amor pelos animais e a consciência ambiental. O meu trabalho, foi apenas educa-la para ser uma “cuidadora”, como eu.

Na infância, qualquer evento e passeio que incluísse educação ambiental eu a levava: oficinas de reciclagem, catar lixo na praia, plantar árvore. Ela também sempre questionou o motivo pelo qual os animais estavam presos no zoológico.

A Mariana sempre gostou de desenhar e tudo que desenhava eram bichos, árvores, flores do qual eu me orgulhava e muitos destes desenhos de criança ainda guardo comigo.

Hoje, aos 19 anos, Mariana é artista e já pode fazer seus desenhos quase profissionais e estuda psicologia. Ela pretende se especializar em terapia com arte e com recursos da natureza (cheiro de mato, barulho de água, pé descalço na grama). Ela acredita que sessões de terapia ao ar livre sentado em uma grama verdinha, sentindo cheiro de mato pode curar mais rapidamente.

Você pode estar pensando que eu deva me sentir uma mãe realizada com a “missão cumprida”. Eu penso o contrário. Uma mãe nunca pode achar que o seu filho já está completo. Sempre tem o que ensinar e quando se diz respeito a noções e práticas de importância ambiental, ninguém está completamente pronto.

Esse ano a Mariana faz 20 anos, já combinamos que ela vai plantar outra árvore em comemoração ao dia do seu nascimento. Festas é só para os “fracos”, os fortes plantam árvores no dia do aniversário”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish